BEDA, QUERIDO DIÁRIO

RESUMINHO DA SEMANA #1: FORMIGAS GIGANTES, PESSOAS QUERIDAS E FÉRIAS QUE TERMINARAM CEDO DEMAIS

Não tinha nada programado pra hoje (vocês já estão cansados desse discurso? eu sim), então resolvi seguir os passos da minha amiga Anna Vitória (e da Couth também) e fazer um pequeno (?) resumo com as coisinhas que rolaram na última semana. Esse é o tipo de post que eu particularmente adoro ler, mas que não sei se vai funcionar aqui, então né, vamos torcer. 

Minhas aulas começaram essa semana e não sei realmente o que esperar. Parece que foi ontem que o primeiro semestre de 2015 acabou e eu já estou aqui de novo, nessa sala de convivência lotada, cheia de gente que nunca vi na vida, me sentindo uma completa estranha. Peguei só quatro matérias esse semestre porque queria ter um sossego, mas uma delas delas, sozinha, equivale a 12 créditos, então não sei se meu plano foi tão bom assim no final das contas (é claro que não foi). Depois de faltar na segunda porque não encontrei uma vaga decente pra estacionar (sou total esse tipo de pessoa), me permiti faltar nos outros dias também e acabei indo só na quinta, que era o dia da tal matéria de 12 créditos que eu não posso nem brincar em reprovar. Mas acabou sendo bem divertido porque reencontrei várias pessoas queridas e pude matar a saudade de alguns amigos.

Terça não tenho aula, então aproveitei que o Gui também tinha a noite livre e fomos assistir Homem-Formiga, um filme que acabou me entregando bem mais do que eu podia esperar. Nunca imaginei que Paul Rudd pudesse entregar um herói bacana, divertido ao mesmo tempo que não é bobo, mas ele entrega sim, e eu saí do cinema muito leve e feliz da vida, mais ou menos do mesmo jeito que saí quando assisti Guardiões da Galáxia, outro filme que também me surpreendeu muito e foi de longe um dos meus favoritos do ano passado. Aliás, Paul Rudd virou minha nova crush do momento, todo dia pesquiso umas fotos pra ter meus 15 minutos de alegria na vida. Momentos. De qualquer forma, o filme está maravilhoso. Assistam, por favor.

tumblr_nonxsiqWsI1u3gckzo2_500

Paul Rudd, pois é, eu sei.

Na quarta, último dia antes de voltar pro estágio, fui no shopping tentar comprar meu Adidas Star pela milésima vez e, obviamente, não consegui. Tive dois minutos de pura alegria quando entrei numa loja e a vendedora me disse que eles tinham sim meu número, na cor que eu queria, até que ela voltou do estoque com as mãos abanando e disse que só tinha 38 na cor lilás. Não amiga, obrigada. Matei minha frustração comendo um sanduíche enorme da Subway e fiquei o resto do dia rolando em casa, passando mal horrores. Momentos.  

 

 

Essa semana também terminei de ler “A Esperança”, último livro da trilogia “Jogos Vorazes” e de longe foi meu livro favorito dos três. Adiei muito esse momento porque sou bem apegada e não queria que a saga terminasse, mas com o filme aí, achei que seria legal, pela primeira vez ler antes e já ir pro cinema sabendo o que vai acontecer. Fiz o caminho contrário com os outros três e foi uma experiência muito muito boa, mas queria fazer diferente pelo menos uma vez. Sobre o livro, achei o final um pouco corrido e a história não terminou exatamente como eu queria (só eu não consigo engolir essa predileção da galera pelo Peeta?), o que não foi exatamente uma surpresa, mas só me fez gostar mais ainda da trilogia como um todo. Pra quem não leu (alguém ainda não leu?), recomendo bem.  

Minha primeira semana no estágio pós-férias foi bem produtiva. Achei que existisse algum tipo de convenção que dissesse que era proibido trabalhar demais nos primeiros dias, porque é tudo meio estranho e você não sabe muito bem o que tem que fazer (não que eu saiba na maior parte do tempo), mas aí eu já cheguei e tinha uma porção de trabalho em cima de minha mesa, e minha supervisora fez questão de me dar mais umas coisas pra fazer, ou seja, tudo estava absolutamente igual. Felizmente peguei o ritmo bem rápido e, com sorte, o trabalho é bem legal, então não foi nenhum sacrifício e na sexta eu já estava fazendo as coisas sem que ninguém precisasse pedir. 

Por fim, tive um sábado bastante movimentado, mas muito divertido também. Acordei passando bem mal, cheia de cólica e com zero vontade de viver, o tipo de coisa que facilmente me faz querer ficar na cama o dia inteiro, mas tentei reagir assim mesmo porque tinha compromissos que não queria adiar de jeito nenhum, então tomei um remédio e segui com o baile.

Almocei com o Gui na casa de uma amiga bem querida e foi muito muito bom. Poucas coisas me parecem tão legais quanto reunir gente legal ao redor de uma mesa cheia de comida gostosa, então acho que dá pra imaginar como eu me senti o tempo inteiro. Sábado também foi aniversário do meu tio e pra comemorar, resolvemos dar um pulo na casa dele pra tomar um vinho e jogar conversa fora. Quer dizer, eu já estava de pijama quando me ligaram, mas minha mãe decidiu ir e de repente decidiram que eu seria a motorista da vez, então ficou por isso mesmo. Foi bem divertido e muito interessante também. É engraçado como às vezes a gente ignora a experiência das pessoas da família só porque elas não são tão velhas assim e foi muito importante pra mim perceber que sim, elas já viveram muita coisa e podem me ensinar demais. Ainda que meus ideais não estejam sempre de acordo com os deles, gostei de participar de uma conversa tão produtiva, em especial sobre política, e saí de lá com o dia quase amanhecendo e a sensação de que conheço aquelas pessoas bem menos do que realmente acredito que conheço – mas não de um jeito ruim.       

A SEMANA NO BLOG

taylor

Acho que posso dizer que a crise oficialmente se instalou neste blog. Depois de uma primeira semana leve e bastante produtiva, a segunda foi marcada por posts sendo escritos às pressas, furos em alguns combinados e algumas coisas bem atrasadas, mas no final deu tudo certo.

Domingo falei sobre as coisas que ninguém te diz quando está na escola;

Segunda fiz um top 5 com minhas vilãs favoritas da Disney;

Terça, movida pelos textos que li no Dia dos Pais, escrevi sobre minha relação com meu pai e como eu o amo independente de qualquer coisa;

Quarta fiz um esqueminha mais ou menos como aquele que faço com pra falar de filmes, mas dessa vez pra falar das séries que andei assistindo e dar minha pequena opinião não requisitada;

Quinta escrevi uma carta pra Ana Luíza de 32;

Sexta respondi um meme sobre séries, um dos meus assuntos preferidos da vida inteira;

Sábado, por fim, contei sobre o dia que durou 24h e a vez que A Gente resolveu usar coroa pra ir pra balada.

A SEMANA NA MÁFIA

mafia

• No domingo, a Analu escreveu sobre essa mania de relevância e como às vezes é bem mais legal ler sobre as trivialidades da vida alheia ao invés de ~textão~ relevante o tempo inteiro;

• Na quinta, a Anna Vitória escreveu uma carta pra si mesma daqui 10 anos e disse coisas que pretendo guardar comigo pra dizer pra Ana de 32 também;

• No sábado, a Palo contou sobre como foi rodar o Saara atrás de canudos com formato bastante peculiar;

• Também no sábado, a Iralinha contou um pouco sobre alguns causos com a Máfia que seus filhos certamente irão cansar de ouvir ela cantar;

•  Na terça, a Couth falou sobre eternos jovens e como a vida de ninguém é maravilhosa o tempo inteiro – e tudo bem. É o tipo de texto que eu poderia imprimir e colar na parede do meu quarto pra não esquecer nunca mais; 

• Também na terça, a Rafinha escreveu sobre a Kim Kardashian e a importância da representatividade, especialmente pra quem não a tem o tempo inteiro.

           

Previous Post Next Post

7 Comments

  • Reply Leticia 16 de agosto de 2015 at 8:46 PM

    só um feedbak: gostei do formato do post, contando sua semana :) e já to indo ver os links! bjs

  • Reply Alessandra Rocha 17 de agosto de 2015 at 12:22 AM

    Paul Rudd é maravilhoso né? AMO ESSE HOMEM e também achei o filme foda demais!
    Vinho é invenção divina e agora quero ainda mais -to com vontade desde mês passado haah

    Espero que a crise passe gatinha, gostei bastante de post e pode manter esse estilo viu? ^^

    beijo! <3

  • Reply Couth 17 de agosto de 2015 at 12:49 AM

    Miga querida, cheguei aqui, com uma semana de atraso. Eu estou me giletando porque não fui assistir Homem Formiga no cinema, mas ainda vou conseguir ver!

    Eu já falei que acho lindo o teu estilo, e acho lindo quem anda de Adidas, mas eu mesma não consigo usar de jeito nenhum. Espero que você encontre hahaah eu sei como é frustrante querer sapato X e não encontrar.

    Obrigada por ter me linkado tão meiga hehehehe sua linda

    Te amo

  • Reply Larie 17 de agosto de 2015 at 1:20 AM

    Amiga, você escreve tão bem que até parece ser fácil escrever u resuminho. Sou fã desse tipo de post diarinho e goum tanto assim HAHAHAHA. Amei sestaria muito que você continuasse com isso porque dá pra saber melhor sobre o que tá rolando na vida da minha miga. <3

    A vida, quando tem chegar, chega chegando (????) mesmo. É impressionante. Um dia você não tá fazendo nada além de olhar pro teto e no outro parece que 1256735 obrigações caem no seu colo. DAORA A VIDA. Força com a faculdade e essa matéria de DOZE CRÉDITOS CARALHO????!!

    Vou dar um rolé pelos seus links (tb amo indicações de outros posts)

    beijossss <333333

  • Reply Analu 17 de agosto de 2015 at 11:51 AM

    Eu não tenho o menor talento (e nem vontade) pra fazer esses posts de resumão semanal porque acho que nunca acontece nada de relevante nas minhas semanas. Talvez, inclusive, isso seja um aviso de VÁ VIVER PARA TER O QUE NARRAR, porque se não tá acontecendo nada deve estar tudo errado, né? Enfim.
    Só ia dizer mesmo que não tenho o menor talento para escrever um desses mas que amo ler os de vocês.

    Te amo! <3

  • Reply Passarinha 17 de agosto de 2015 at 1:26 PM

    To A-MAN-DO esses posts de resumo da semana de vocês. Adoro de verdade saber o que vocês estão aprontando, como estão se sentindo e what’s going on in that beautiful mind etc e tal. Além do quê, muito útil pra essa atrasilda aqui ver o que ainda tem que mimar (e hoje fico em dia, juro).

    Te amo muito e estava morrendo de saudades de vir aqui. Não quero que esse BEDA acabe mimimi <3

  • Reply Ana Flávia 18 de agosto de 2015 at 7:43 PM

    Tô amando esses resumos por motivos de sou muito lerda e deixo um monte de coisa passar. :/
    Também porque não tenho talento – e coisas legais a contar – pra fazer um resumão. Ou talvez tenha. Talvez tentemos. hahaa

    Beijos.

  • Leave a Reply